Sobre as dores e delícias de comer direito

Posted By on fev 20, 2015 | 0 comments


Pois é, finalmente podemos dizer: Feliz Ano Novo!!!

Hoje começa o Ano Novo Chinês e por aqui, nas terras tupiniquins, temos o primeiro dia útil pós carnaval. Vamos ver se agora engrena.

Por isso aproveito a data para retornar ao conteúdo no blog. O início de ano foi corrido e não consegui dar conta de manter a rotina de postagens. Mas tentarei ser mais frequente a partir de agora.

Mas vamos ao tema deste post: “Dores e Delícias de comer direito”.

Há pouco mais de um mês resolvi começar uma reeducação alimentar e para isso contei com o apoio imensurável da competente nutricionista Moema Ferro, que tem me orientado e, especialmente, me inspirado.

primeiro dia de dieta 2015

O princípio básico da minha nova fase alimentar é: “Se está embalado e tem código de barras, não é comida”.

Claro que é quase impossível nos dias de hoje viver sem comer nada “enlatado”, mas a ideia é fazer isso o menor número de vezes possível.

No início achei que seria tipo i m p o s s í v e l, fazer isso na prática. Até comentei com Moema que para conseguir emagrecer eu teria que comprar o almoço todos os dias. É que funciono ao contrário da maioria das pessoas, eu trabalho em casa e saio para almoçar. 😀 Pra piorar, a cozinha não é o cômodo que mais frequento em casa. Ooops! não era…

Tudo começou com o tal do Suco Verde. Nunca tinha conseguido tomar o mesmo por conta da trabalheira de juntar os ingredientes todos os dias. Mas… Maíra Malta, outra amiga queridíssima e gravidíssima, que também se consulta com Moema Ferro, comentou comigo que nossa “Mestra” ensinou uma dica que resolveu esse problema. Basta a gente fazer uma quantidade de suco para a semana toda e dividir em porções, ou seja, fazer um polpa de suco verde. 😀

E assim, eu comecei a frequentar a minha cozinha.

Primeiro passei na feirinha e escolhi os ingredientes e em casa cortei e liquidifiquei tudo. Depois usei saquinhos de flau para fazer as porções diárias.

Fiz uma semana de suco verde e da dieta recomendada. Mas… No final de semana acabei tendo uma crise muito forte de refluxo e constipação intestinal. Quase desisti da dieta, mas mantive o foco. Afinal, era óbvio que tudo aquilo era reação do organismo ao novo ritmo alimentar e iria passar. E… Passou.

Resolvi trocar o café da manhã por suco, não o verde, mas um vermelho,que eu mesma inventei com frutas que adoro. Moema aprovou a ideia e aí foi só alegria. Tinha criado o meu #FruitShake

fruitshake lane

 

No dia 04 de fevereiro tive meu primeiro retorno ao consultório da Moema Ferro e a balança marcou 89,5 Kg. Tinha emagrecido 2,5Kg. Para pouco mais de uma semana foi bem legal. Fiquei motivada.

Comprei mais uma remessa de suprimentos e fiz mais polpas de #SucoVermelho para passar o Carnaval. Como não ia viajar, resolvi que iria aproveitar o feriado para caprichar na dieta.

Para começar fiz um vídeo mostrando como faço o suco. Ficou longo, mas é que minha intenção foi mostrar o tempo que se gasta para fazer todo o processo. Vejo um monte de vídeos de tutorias que mostram tudo rapidinho, em recortes, e parece que tudo é fácil e rápido, quando na prática, não é tanto assim.

Tudo dá um trabalhinho, nada que vá fazer alguém desistir, mas achei que seria bom saber exatamente como fazer. 😉

Afinal, nem tudo são flores nessa experiência, né?

Além do trabalho de cortar as frutas e encarar o liquidificador por mais de 10 minutos, ainda tem a quantidade de lixo orgânico que a gente gera quando passa a comer direito. Você troca as latas e pacotes por cascas e cascas. É casca de abacaxi, de ovo, de batata, abóbora… Mas quer saber? VALE SUPER A PENA!!!

 

Terminado o carnaval meu saldo foi positivo! Nem sei quanto emagreci, mas sem dúvida já dá pra notar que algo está mudando na minha silhueta. :)

Não tô na pressão de emagrecer rapidamente, estou em busca de qualidade de vida, saúde. Perder peso é só uma parte desse projeto.

De sábado até segunda fiz tudo lindo! Mas na segunda à noite fui ao shopping jantar, ao chegar lá estava lotado. Acabei lanchando uma coxinha com coca-cola. Quando cheguei em casa a coisa piorou, minha prima tinha feito churrasco e era a primeira vez que estávamos os quatro juntos no carnaval – Eu, Dudu, Edjane e Tia jane. Conclusão: comi. Pouco, mas comi.

Dormi mais ou menos. Na terça acordei tarde e fui direto almoçar na casa da minha tia. E tinha o quê? Churrasco. Depois do almoço tomei sorvete e à noite comi cuscuz, abóbora e ovo. Mas minha tia trouxe mais um pouquinho de carne e eu… Comi.

Foi o suficiente para uma longa noite de dores de estômago, refluxo e constipação. Vi quando a chuva começou, ouvi o primeiro trovão. Mas depois de tomar chá e outros procedimentos, consegui dormir e com o barulho da chuva e a baixa da temperatura fiquei na cama até às 11h da quarta de cinzas.

Levantei leve e já pensando em sair para ver o povo, depois de quatro dias em casa. Foi aí que comecei a sentir os resultados dos dias de sucos e alimentação saudável. Vesti as primeira peças que estavam encalhadas no guarda-roupas.

Acho que ainda não dá pra perceber que estou emagrecendo, mas eu sei que estou começando a caber nas minhas roupas e isso é muito satisfatório e animador para continuar com o projeto #45ComTudoEmCima. Até o dia 02 de julho de 2015 eu chego lá!!!

elzlane pos carnaval 2015

É isso! Vamos que vamos, que esse ano de 2015 não vai ser igual aquele que passou.

Me acompanhe pela #45ComTudoEmCima ou pelo IG @elzlane

Comente sobre a postagem

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *